Você pode pensar que seu relacionamento é normal. Mas é realmente?


Os sinais sutis de um casamento infeliz
   Um casamento ou um relacionamento feliz deve ser cuidado e valorizado mas frequentemente não está tendo tanta atenção assim. Mesmo se você está preso em um casamento que não lhe dá felicidade, você acaba por optar ignorar os sinais vermelhos que os relacionamentos dão.
   Afinal de contas, é fácil ignorar algo em vez de lidar com a confusão de ter que consertar alguma coisa quando você não tem certeza do que você precisa fazer.
    E ainda pior, às vezes, você pode se convencer de que todos os relacionamentos estão condenados à mediocridade e auto-satisfação. Muitos de nós conduzimos nossas vidas dessa maneira, acreditando que o amor e o casamento não é senão um sistema de apoio, onde você tem alguém para confiar, para emergências e encontros familiares. É apenas algo que precisamos, para caber dentro das regras da sociedade.  Mas isso está longe da verdade. A, união amorosa feliz pode dar-lhe muito mais. Pode dar-lhe uma vida mais completa.
   O lado cego de casamentos infelizes
É fácil ver os sinais de um casamento sem amor doentio quando estamos olhando para outros casais andando por uma rua.
Mas quando temos de introspecção, tudo o que temos são pontos cegos distribuídos por todas as nossas falhas..
O início do romance infeliz
     Um casamento infeliz é a lenta acumulação de aborrecimentos, dor, amargura, ego e falta de comunicação que sobrecarrega o romance. E cada vez que um ou ambos optar por ignorar os sinais e evitar comunicar o que cada um deles realmente senti, a relação só é obrigado a ficar mais perto do fim.
      Você pode ser capaz de apontar para uma circunstância particular que levam ao casamento ficar sem amor, sem romance, mas quase sempre, a circunstância particular não é a verdadeira razão. Na verdade, é apenas o ponto de inflexão. Na realidade, todas as outras razões levaram você para a infelicidade.Infelizmente, porém, a maioria de nós nunca se importam o suficiente para pegar as pequenas falhas e retrabalho sobre o casamento. É apenas muito mais fácil desistir e ir embora, especialmente quando egos entram em cena. 
# 1 Assuntos Emocionais.  Se você está em um casamento feliz, o seu parceiro deve ser a sua verdadeira confidente. Você deve estar feliz em comunicar com eles e compartilhar tudo de agradável e os detalhes sórdidos de sua vida com eles. Se isso não esta acontecendo é um sinal.
# 2 A relação dos não-reclamantes.  Existem alguns relacionamentos onde os parceiros não tem queixas sobre o outro em tudo, porque eles entendem completamente os seus pontos de vista individuais, e se dão perfeitamente. Se você está experimentando este grande estado de telepatia em seu casamento, isso é incrível! kkkkkkkkk. 
      Mas se você estiver em um casamento onde você encontrar falhas com seu marido ou esposa, e ainda, optar por não falar sobre isso com eles, porque não vale a pena o esforço, isso não é bom. Quando você perde a esperança de algum dia mudar o seu parceiro e ajudar ele ver suas falhas, você está na relação dos não-reclamantes.  Lembre-se  que com o tempo, estes pequenos aborrecimentos poderia levar a grandes frustrações em seu casamento. Então converse reclame , nas se importe.
# 3 Você tem necessidades.   E essas necessidades não estão satisfeitos com o seu parceiro. Quase todo o tempo, você encontrar maneiras de satisfazer essas necessidades si mesmo, seja ela sexual ou emocional. Mas, ao mesmo tempo, você pode encontrar-se constantemente reclamando ou lamentar-se dentro de sua própria mente sobre como poderia ter sido muito melhor se o seu parceiro estivesse mais envolvido em satisfazer as suas necessidades.
# 4 Você tem muitas necessidades. Esta é uma contradição com o sinal anterior de um casamento infeliz, mas este é um ponto válido também. E você pode ter necessidades que simplesmente não podem ser cumpridas por seu parceiro. Então, o que você faz então? Você se compromete por causa de seu casamento ou você vai embora? Há uma linha fina entre expectativas e realidade.
Comunique-se com seu parceiro, procure ajuda. Se as suas necessidades parecem justificadas, você tem o direito de concorda ou não. Se as suas necessidades parecem ser de alta manutenção, você precisa decidir o que tem mais valor para você, suas necessidades ou seu casamento. 
# 5 Vidas individuais.  Ambos levam vidas individuais. Em um casamento feliz , não importa o quão distante ambos sua carreira ou vida caminhos são, mas você tem tanto de entender um ao outro e estar disposto a oferecer um ombro para o outro. Muitas pessoas não fazem o esforço para entender mais sobre a vida de trabalho de seu parceiro e as suas experiências diárias. Lembre-se sempre disso, se você não pode oferecer o apoio emocional que seu parceiro quer, o seu parceiro pode olhar para outra pessoa para obter esse mesmo apoio. 
# 6 Desejos Sexuais.  Não esconda seus desejos sexuais do seu parceiro , é melhor revelar a ele ou a ela, pois vocês estão em relacionamento , melhor do que fica fantasiando em segredo em sua cabeça.
     Você não deve ter dificuldade em falar sobre isso com seu parceiro, se você está em um casamento seguro e feliz. Em um relacionamento seguro, ambos os parceiros falar sobre as suas paixões e fantasias sexuais sem se sentir desconfortável sobre isso. 
# 7 Diferentes sentidos da vida. Se você está em um casamento infeliz, você veria um monte de diferenças conflitantes em ambas as suas perspectivas em relação à vida e seus objetivos na vida. Isto é algo que a maioria dos queridos que não se comunicam bem acabar enfrentando medida que os anos passam. Quando duas pessoas se reúnem em um casamento, eles se comunicam uns com os outros e seus objetivos também começar a alinhar para formar um objetivo comum. 
# 8 Seus princípios e suas responsabilidades. Todos nós temos responsabilidades quando estamos em um relacionamento. Mas você toma suas responsabilidades muito a sério e evitar olhar para além disso?  Você acredita que ganhar dinheiro para a família ou cuidando da casa é o fim da sua responsabilidade? Em um casamento infeliz, ambos os parceiros confiar demais em suas responsabilidades para determinar se eles estão fazendo o seu trabalho. 
# 9 Expectativas e comparações. Você esperar muito do seu cônjuge. Você sutilmente esmagar seu casamento o comparando outros casamentos ou pessoas. Você pode pensar que isso iria ajudar o seu cônjuge entender seus desejos melhor. Mas ele não vai.
     Nunca crie expectativas em um relacionamento baseado em comparações. Só vai pressionar e raiva seu parceiro em vez de ajudá-lo a compreender o seu ponto de vista. Se alguém sente que nunca está  bom o suficiente, porque ele estão sempre a se sentir comparados de forma negativa
# 10 O jogo da culpa.  É fácil apontar o dedo, mas você já se perguntou se você poderia, talvez, ter um papel a desempenhar neste jogo de culpa também?
     Em um casamento feliz, argumentos acontecem. Mas os argumentos não devem ser usados ​​como uma ferramenta para infligir dor. Eles são usados ​​como ferramentas de comunicação para ajudar a melhor o casamento.
# 11 Vícios. Um vício pode arruinar qualquer casamento, e acabam deixando ambos amargo e zangado.  E, por outro lado, o outro parceiro pode se sentir desamparado e deprimido. Faça um esforço de lidar com seu vício, sozinho ou com ajuda profissional. Você pode não perceber isso hoje, mas seu vício pode matar o seu casamento em breve. 
# 12 O ego. O ego é uma ferramenta poderosa no casamento. Ele não eleva sua cabeça frequentemente, mas quando isso acontecer, ele muda tudo. Você que acha que é melhor do que a outra pessoa. Em um casamento, as duas pessoas envolvidas são uma equipe. Mesmo que você não perceba isso.
    Mas também se você nunca assumir e que você é bom para o seu cônjuge, você pode sentir um formigamento um incomodo para começar. E, eventualmente, você iria perder o respeito por seu parceiro e um dia, desviar para os braços de uma pessoa que você respeitar e de considerar um igual.
    Se você se senti como você está fazendo mais do trabalho em um relacionamento, falar sobre isso com o seu parceiro. Os poucos minutos de tratamento silencioso ou raiva que acabará por desaparecer é muito melhor que anos de desrespeito e confrontos. 
    Um casamento sem amor infeliz não vale a pena experimentar. É doloroso e pode fazer a sua vida se sentir como um completo desperdício de tempo. Mas se você pensar sobre isso, tudo pode ser corrigido se você optar por corrigi-lo. Tudo que precisa é a iniciativa e a memória dos bons tempos e o romance para trazer todo o amor de volta em seu casamento sem amor.
    Use estes sinais de um casamento infeliz para descobrir se você está enfrentando algum deles em seu próprio relacionamento. E se você estiver, se comunique com seu cônjuge. 



Você pode pensar que seu relacionamento é normal. Mas é realmente? Você pode pensar que seu relacionamento é normal. Mas é realmente? Reviewed by Fabrício Sena on 07:31:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.